Itália: primeiro-ministro pede demissão e ataca Salvini

Tempo de leitura: 2 minutos
Giuseppe Conte. Fonte: Jornal de Notícias e Reuters.

O anúncio da demissão do primeiro-ministro surge na sequência de um forte ataque ao parceiro de coligação, Matteo Salvini. Giuseppe Conte acusou Salvini de ser um “irresponsável” por ter lançado o país numa crise por “interesses partidários e pessoais”.

Notícia replicada na íntegra do Jornal de Notícias (Portugal), com adaptações para o português brasileiro.

Matteo Salvini, líder da Liga, vice-presidente e ministro do Interior, tinha manifestado a intenção de abandonar a coligação e pedir eleições antecipadas, dadas as divergências em várias questões. “Demasiados ‘nãos’ prejudicam a Itália, que precisa voltar a crescer e voltar a votar rapidamente. Quem perder tempo prejudica o país”, referiu, num comunicado divulgado pelo partido.

A coligação foi formada há apenas 14 meses. Num discurso ao Senado, nesta terça-feira (20/08), Conte disse que Salvini estava “à procura de um pretexto para regressar às urnas” depois do sucesso que o partido teve nas eleições europeias. A Liga, legenda de Salvini, foi o partido italiano mais votado, com 34% dos votos.

Em um discurso duro e assertivo, o primeiro-ministro responsabilizou Salvini pelo fim do governo “que acaba aqui”. “Aproveito esta oportunidade para anunciar que apresentarei a minha renúncia como chefe de governo ao presidente da república”, anunciou.

Segundo o portal Sapo, o chefe de estado italiano vai consultar na quarta-feira (21/08) os partidos sobre a possibilidade de formar um novo governo ou realizar eleições antecipadas, o que deve ocorrer às 16:00 locais.

Para citar este artigo, use os padrões abaixo.

ABNT:

Redação do Fora!. Itália: primeiro-ministro pede demissão e ataca Salvini. Fora!. Acessado em 20 de agosto de 2019. Disponível em <https://fora.global/2019/08/20/italia-primeiro-ministro-pede-demissao-e-ataca-salvini/>.

APA:

Redação do Fora!. (20 de agosto de 2019). Fora!. https://fora.global/2019/08/20/italia-primeiro-ministro-pede-demissao-e-ataca-salvini/.

Adaptações na ordem nome-sobrenome, bem como em outros elementos, podem ser necessárias. Se o texto tem co-autores ou se trata de uma tradução, os co-autores/tradutores devem ser revisados manualmente devido a limitações em nosso script.

2 Comments

  1. Pingback: Análise: o que resulta da reunião do G7 na França? | Fora!

  2. Pingback: Itália: Partido Democrático e Movimento 5 Estrelas fecham coalizão | Fora!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*