Economia: Barril de petróleo termina o dia com valor negativo

Tempo de leitura: 3 minutos
Plataforma de petróleo. Fonte: Wikimedia Commons

Com informações da Valor Investe e Bloomberg

O Barril de petróleo West Texas Intermediate (WTI) terminou a segunda-feira (20/04) sendo negociado próximo do -US$ 40. O WTI é usado como referência para o mercado americano. A cotação chegou a esse valor pelo acúmulo no estoque e a pressa para honrar os contratos de entrega do produto para o mês de maio.

Com a paralisação da economia mundial pela pandemia do coronavírus, a demanda pela mercadoria reduziu drasticamente, principalmente nas refinarias responsáveis em transformar o óleo bruto em combustível e outros derivados do petróleo. Com isso, os espaços responsáveis para estoque estão cada vez mais ocupados.

A cidade de Cushing, em Oklahoma, é o local utilizado pelos EUA para armazenamento do petróleo. De acordo com a Agência de Informação de Energia (EIA, em inglês), a instalação construída na cidade tinha capacidade operacional de 76 milhões de barris em setembro de 2019. Até o mês de fevereiro, havia 55 milhões de barris estocados.

Michael Tran, diretor gerente de estratégia global de energia da RBC Capital Markets, alertou em entrevista a Bloomberg sobre o que se esperar do mercado da commodity no curto prazo. “Há pouco que se possa fazer para impedir que o mercado sofra mais perdas no curto prazo. Os refinadores estão rejeitando barris de petróleo cru em ritmo histórico e com os níveis de armazenamento dos EUA subindo rapidamente, as forças do mercado infligirão ainda mais dor até atingirmos o fundo do poço, ou a epidemia arrefecer, o que ocorrer primeiro. Nesse momento, o fundo do poço é mais provável”.

Desde março, o valor do barril vem caindo, sendo influenciada pela guerra comercial entre Rússia e Arábia Saudita. A Rússia não aceitou o pedido da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) de reduzir a produção devido ao esfriamento do mercado internacional causado pela pandemia.

O acordo provisório, firmado no dia 12/04, conseguiu reduzir a produção diária em 10%, algo em torno de 9,7 milhões de barris. Mas, mesmo assim, a demanda pelo produto está muito abaixo da capacidade de produção mundial.

Os contratos de venda para junho também sofreram forte queda. Contudo, ainda fecharam em valor positivo de US$ 20 por barril.

Para citar este artigo, use os padrões abaixo.

ABNT:

Flávio Henrique Soeiro de Castro. Economia: Barril de petróleo termina o dia com valor negativo. Fora!. Acessado em 20 de abril de 2020. Disponível em <https://fora.global/2020/04/20/economia-barril-de-petroleo-termina-o-dia-com-valor-negativo/>.

APA:

Flávio Henrique Soeiro de Castro. (20 de abril de 2020). Fora!. https://fora.global/2020/04/20/economia-barril-de-petroleo-termina-o-dia-com-valor-negativo/.

Adaptações na ordem nome-sobrenome, bem como em outros elementos, podem ser necessárias. Se o texto tem co-autores ou se trata de uma tradução, os co-autores/tradutores devem ser revisados manualmente devido a limitações em nosso script.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*