Emirados Árabes Unidos lançam com sucesso a primeira missão a Marte do mundo árabe

Tempo de leitura: 5 minutos
A sonda Al Amal, durante preparativos para o lançamento.

Os Emirados Árabes Unidos lançaram com sucesso sua sonda “Esperança” (Al Amal) para Marte no domingo, marcando a primeira missão interplanetária do mundo árabe – e a primeira de três missões internacionais ao planeta vermelho neste verão.

A sonda decolou do Centro Espacial Tanegashima, no Japão, depois de um atraso na semana passada devido ao mau tempo. O foguete reforçador (booster) sólido se separou com sucesso do veículo de lançamento e a sonda estabeleceu uma comunicação bidirecional com o segmento terrestre em Dubai.

A sonda Al Amal, como é chamada em árabe, deve chegar a Marte em fevereiro de 2021. Será a primeira vez que os Emirados Árabes Unidos orbitam Marte, e a sonda permanecerá em órbita por um ano marciano – equivalente a 687 dias na Terra – para coletar dados sobre a atmosfera do planeta vermelho.

“É uma honra fazer parte dos esforços globais para explorar o espaço profundo”, twittou a conta oficial da Hope Mars Mission após o lançamento. “A Sonda Esperança é o culminar de cada passo que os humanos deram ao longo da história para explorar as profundezas desconhecidas do espaço”.

Os Estados Unidos e a China também estão embarcando em missões destinadas a Marte neste verão. O Perseverance Rover da NASA e o Tianwen 1 da China devem ser lançados entre o final de julho e o início de agosto, embora a data exata dependa das condições diárias de lançamento.

Todos esses três países farão lançamentos neste verão devido à ocorrência de um fenômeno bienal quando a Terra e Marte estarão mais próximos, tornando a jornada um pouco mais curta.

A NASA twittou seus parabéns após o lançamento bem-sucedido da Al Amal, escrevendo na página oficial do Twitter da Perseverance: “Desejo a você uma jornada bem-sucedida e aguardo ansiosamente o sol quando estivermos explorando Marte… mal posso esperar para acompanhá-lo nessa jornada!”

Setor espacial em crescimento

A sonda é o passo mais recente e ambicioso dos Emirados Árabes Unidos em seu crescente setor espacial.

Os Emirados Árabes Unidos já lançaram satélites antes – em 2009 e 2013 -, mas foram desenvolvidos com parceiros sul-coreanos. O país fundou sua agência espacial em 2014 e estabeleceu metas ambiciosas, incluindo uma colônia na superfície marciana até 2117.

Autoridades do governo já falaram do programa espacial como um catalisador para o crescente setor de STEM (ciência, tecnologia, engenharia e matemática, na sigla em inglês) do país.

Chegar até aqui foi um feito impressionante para o país do Golfo. A maioria das missões para Marte leva entre 10 a 12 anos para se desenvolver – mas os cientistas dos Emirados Árabes Unidos tinham apenas seis anos para realizar o projeto.

Para construir a espaçonave, eles fizeram uma parceria com uma equipe nos EUA, no Laboratório de Física Atmosférica e Espacial da Universidade do Colorado Boulder. E para encontrar um novo objetivo científico para a missão eles consultaram o Grupo de Análise do Programa de Exploração de Marte (MEPAG), um fórum criado pela NASA para planejar explorações.

Eles decidiram usar a sonda para construir a primeira imagem completa do clima de Marte durante o ano marciano, disse Sarah Al Amiri, líder científica da missão.

“Os dados coletados pela sonda adicionarão uma nova dimensão ao conhecimento humano”, disse o governante de Dubai, xeque Mohammed bin Rashid Al Maktoum, no Twitter. “Esta é a nossa mais recente contribuição para o mundo”.

Estudar o sistema climático de Marte, incluindo mudanças na atmosfera e no clima, poderia ajudar a entender como o planeta – que costumava compartilhar características com a Terra – passou de rios e lagos a não ter água na superfície, disse Al Amiri.

Para montar o quebra-cabeça, a sonda terá como objetivo fazer uma variedade de medições, permitindo explorar diferentes teorias. Al Amiri diz que a equipe está especialmente interessada em uma possível ligação entre tempestades de poeira e a perda de hidrogênio e oxigênio – os blocos de construção da água – da atmosfera marciana.

Para citar este artigo, use os padrões abaixo.

ABNT:

Redação do Fora!. Emirados Árabes Unidos lançam com sucesso a primeira missão a Marte do mundo árabe. Fora!. Acessado em 20 de julho de 2020. Disponível em <https://fora.global/2020/07/20/emirados-arabes-unidos-lancam-com-sucesso-a-primeira-missao-a-marte-do-mundo-arabe/>.

APA:

Redação do Fora!. (20 de julho de 2020). Fora!. https://fora.global/2020/07/20/emirados-arabes-unidos-lancam-com-sucesso-a-primeira-missao-a-marte-do-mundo-arabe/.

Adaptações na ordem nome-sobrenome, bem como em outros elementos, podem ser necessárias. Se o texto tem co-autores ou se trata de uma tradução, os co-autores/tradutores devem ser revisados manualmente devido a limitações em nosso script.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*